segunda-feira, 8 de outubro de 2012

quarta-feira, 6 de junho de 2012

PENSAMENTO DO DIA
SE A ESCOLA FOSSE UMA ORQUESTRA Se a escola fosse uma orquestra, seria possível ouvir-se a sinfonia da compreensão humana? Como haver sinfonia se cada músico está com seu instrumento em um tom? Onde está o autor da sinfonia? Ou será que a orquestra é que não quer tocá-la? A orquestra está desafinada. E o maestro? Deve ser responsabilizado pelo insucesso? E os ouvintes, por que não gritam? Estão mudos? Não; não sabem gritar. Gritam , às vezes, buscando em outro músico o fracasso advindo do tom desafinado que emitem. E você? Também é músico nesta orquestra? A escola nunca será orquestra, se cada músico não se afinar. Os músicos devem interpretar a partitura da compreensão humana, para atender a cada ouvinte na sua individualidade. Não basta simplesmente tocar. A harmonia entre os músicos e os ouvintes é a compreensão, o respeito, a doação, o "assumir", é a responsabilidade, o envolvimento com o trabalho. Reaja diante da música. Se um tom soa-lhe desafinado, pare! O ponto de espera é calmo e longo; com sua ajuda virá outra música. Com certeza será o início de uma verdadeira orquestra onde todos possam entoar a música da Paz, da Harmonia, da Colaboração, do Respeito Mútuo.

domingo, 18 de março de 2012

MENSAGEM DO DIA :


EDUCAR
“EDUCAR É MOSTRAR A VIDA
A QUEM AINDA NÃO A VIU.
O EDUCADOR DIZ: “VEJA!”
- E, AO FALAR, APONTA.
O ALUNO OLHA NA DIREÇÃO APONTADA E
VÊ O QUE NUNCA VIU.
SEU MUNDO SE EXPANDE.
ELE FICA MAIS RICO INTERIORMENTE...”
“E, FICANDO MAIS RICO INTERIORMENTE, ELE
PODE SENTIR MAIS ALEGRIA
E DAR MAIS ALEGRIA -
QUE É A RAZÃO PELA
QUAL VIVEMOS.”
RUBEM ALVES

TEXTO PARA REFLEXÃO:


“TUDO O QUE EU DEVIA SABER APRENDI
NO JARDIM DE INFÂNCIA.”

GRANDE PARTE DAS COISAS QUE PRECISO DE SABER SOBRE A VIDA,
SOBRE O QUE FAZER E COMO SER, APRENDI NO JARDIM DE INFÂNCIA...
A SABEDORIA, AFINAL, NÃO ESTAVA NO TOPO DE UMA MONTANHA CHAMADA UNIVERSIDADE
MAS SIM NA CAIXA DE AREIA DA MINHA ESCOLA.
EIS AS COISAS QUE APRENDI:
A COMPARTILHAR... A NÃO FAZER BATOTA...
A NÃO MAGOAR OS OUTROS... A ARRUMAR O QUE DESARRUMEI... E A LIMPAR O QUE SUJEI.
A NÃO TIRAR O QUE NÃO ME PERTENCE, A PEDIR DESCULPA QUANDO MAGOO ALGUÉM.
A LAVAR AS MÃOS ANTES DE COMER. A PUXAR O AUTOCLISMO.
APRENDI QUE O LEITE FAZ BEM Á SAÚDE.
APRENDI A APRENDER, A PENSAR E TAMBÉM QUE
DESENHAR, PINTAR, CANTAR E DANÇAR ERA BOM...
A DORMIR A SESTA... A TER CUIDADO COM O TRÂNSITO ... A DAR A MÃO, A SER SOLIDÁRIO.
VI A SEMENTE A CRESCER NO COPO DE PLÁSTICO;
AS RAÍZES DESCEM E A PLANTA, SOBE EMBORA NÃO SAIBA PORQUÊ, GOSTA-SE.
OS PEIXES DOURADOS, OS HAMSTERS, OS RATINHOS BRANCOS...
(E MESMO A PLANTA NO COPO DE PLÁSTICO) MORREM. NÓS TAMBÉM.
E LEMBRO-ME DOS PRIMEIROS LIVROS, DA PRIMEIRA PALAVRA QUE APRENDI: OLHA!
É ISSO QUE TENHO FEITO SEMPRE.
SE TODOS - EM TODO O MUNDO - TIVESSEM TOMADO
UM COPO DE LEITE ÀS QUATRO DA TARDE,
DEPOIS DE TEREM DORMIDO A SESTA,
O MUNDO ESTARIA BEM MELHOR.
OU SE HOUVESSE UMA POLÍTICA DE BASE NO NOSSO PAÍS - E EM TODOS OS OUTROS - DE
DEVOLVER O QUE NÃO É NOSSO E DE LIMPAR O QUE SUJAMOS.
E TAMBÉM SEI QUE É VERDADE, QUE AINDA É VERDADE,
QUE NO MUNDO O MELHOR É DAR AS MÃOS...
E FICARMOS JUNTOS.
• VIVA UMA VIDA EQUILIBRADA
• FAÇA UMA SONECA À TARDE E, QUANDO SAIR À RUA, CUIDADO COM O TRÂNSITO, DÊEM AS MÃOS E PERMANEÇAM JUNTOS.
• CULTIVE A IMAGINAÇÃO. LEMBRE-SE DA SEMENTE DE FEIJÃO QUE A PROFESSORA COLOCAVA NO VASO DE ÁGUA. AS RAÍZES CRESCIAM PARA BAIXO E AS FOLHAS PARA CIMA E NINGUÉM SABIA EXPLICAR POR QUÊ. NÓS SOMOS PARECIDOS. OS PEIXINHOS DO AQUÁRIO, OS PASSARINHOS DA GAIOLA, AS SEMENTES DO FEIJÃO, TODOS MORREM TAMBÉM.
• RECORDE-SE: OLHE AO SEU REDOR! TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER ESTÁ AÍ À SUA VOLTA.
• AS REGRAS DE OURO: PAZ, AMOR, ECOLOGIA E UMA VIDA SAUDÁVEL.
IMAGINE COMO O MUNDO SERIA MELHOR SE TODOS TIVESSEM UM LANCHINHO COM LEITE E BISCOITOS ÀS 3 DA TARDE E, EM SEGUIDA FIZESSEM UMA SONECA.
• IMAGINE SE TODOS DESSEM AS MÃOS E PERMANECESSEM JUNTOS.



FONTE: TUDO QUE EU DEVIA SABER APRENDI NO JARDIM DE INFÂNCIA ROBERT FULGHUM – ED. BEST SELLER
ESTE TEXTO É UM RESUMO DA TESE DO DR. ROBERT FULGHUM, TRANSFORMADA EM LIVRO QUE SE TORNOU UM BEST-SELLER NOS ESTADOS UNIDOS. ESCRITOR AMERICANO, CUJOS LIVROS ESTÃO TRADUZIDOS EM 27 LÍNGUAS. É FILÓSOFO, TEÓLOGO, DEDICA-SE ÀS ARTES E É PROFESSOR NUMA UNIVERSIDADE AMERICANA.

HISTÓRIA DO CARNAVAL ....COMO TUDO COMEÇOU !!



A comemoração grega que gerou a grande festa.
O carnaval é o uma festa que se originou na Grécia em meados dos anos 600 a 520 a.C.. Através dessa festa os gregos realizavam seus cultos em agradecimento aos deuses pela fertilidade do solo e pela produção. Posteriormente os gregos e romanos inseriram bebidas e práticas sexuais na festa tornando-a intolerável aos olhos da Igreja. Com o passar do tempo, o carnaval passou a ser uma comemoração adotada pela Igreja Católica, o que ocorreu de fato em 590 d.C. Até então, o carnaval era uma festa condenada pela Igreja por suas realizações em canto e dança que aos olhos cristãos eram atos pecaminosos.
A partir da adoção do carnaval por parte da Igreja, a festa passou a ser comemorada através de cultos oficiais, o que bania os “atos pecaminosos”. Tal modificação foi fortemente espantosa aos olhos do povo já que fugia das reais origens da festa como o festejo pela alegria e pelas conquistas.

Em 1545, durante o Concílio de Trento, o carnaval voltou a ser uma festa popular. Em aproximadamente 1723, o carnaval chegou ao Brasil sob influência européia. Ocorria através de desfiles de pessoas fantasiadas e mascaradas. Somente no século XIX que os blocos carnavalescos surgiram com carros decorados e pessoas fantasiadas da forma semelhante à de hoje.

A festa foi grandemente adotada pela população brasileira, o que tornou o carnaval uma das maiores comemorações do país. A esta favorável recepção, acrescentou-se as famosas marchinhas carnavalescas que incrementou a festa e a fez crescer em quantidade de participantes e em qualidade.

CARNAVAL NO BRASIL
O carnaval chegou ao Brasil em meados do século XVII, o qual foi influenciado pelas festas carnavalescas que aconteciam na Europa. Em alguns países como a França, o carnaval acontecia em forma de desfiles urbanos, ou seja, os carnavalescos usavam máscaras e fantasias.

Embora outros personagens serem de origem européia, foram incorporados ao carnaval brasileiro como, por exemplo: Rei momo, pierrô, colombina, etc.

Os primeiros blocos carnavalescos, cordões e os famosos cortejos de automóveis (corsos). Mas se tornaram mais populares no começo do século XX. As pessoas decoravam seus carros, se fantasiavam e em grupos, desfilavam pelas ruas das cidades, dando origem assim aos carros alegóricos.

O carnaval tornou-se cada vez mais popular no século XX, e teve um crescimento considerável neste período, que ocorreu devido às marchinhas carnavalescas (músicas que faziam o carnaval mais animado). A primeira escola de samba foi criada no dia 12 de agosto de 1928, no Rio de Janeiro e chamava-se “Deixa Falar”.

Anos depois a escola mudou seu nome para Estácio de Sá. A partir deste momento o carnaval de rua começa a ganhar um novo formato. Com isso, no rio de Janeiro e São Paulo, começam a surgir novas escolas de samba. Organizadas em Ligas de Escolas de Samba, iniciam os primeiros campeonatos para constatar qual escola de samba era a mais bela e animada.

A região nordeste permaneceu com as tradições originais do carnaval de rua como, por exemplo: Recife. Já na Bahia, o carnaval de rua conta com a participação dos trios elétricos, embalados por músicas dançantes, em especial pelo axé.
CARNAVAL NO MUNDO
O carnaval é comemorado em boa parte do planeta, além do Brasil veja a seguir as principais comemorações do carnaval pelo mundo.

ReinoUnido

No período do carnaval brasileiro, no Reino Unido acontece o Shroveitide (Shrive que significa confessar ‘pecados’) é a comemoração do carnaval britânico.


Estados Unidos
Nos Estados Unidos o carnaval se resume basicamente na celebração do Mardi Grass (Terça-Feira Gorda), vários estados celebram o carnaval.

Mas o estado mais tradicional de tal comemoração é New Orleans. Neste estados, durante o Mardi Grass, desfilam pelas ruas da cidade mais de 50 agremiações. A agremiação mais conhecida é a do Bacchus (que possui gigantescos e originais carros alegóricos).

Alemanha
Na Alemanha a celebração do carnaval acontece tanto nos grandes centros urbanos, quanto na Floresta negra e nos Alpes.

A festa mais tradicional é a da cidade de Bonn lá organizam desfiles com pessoas fantasiadas com época, o diabo fica solto, por esse motivo as pessoas usam máscaras para esconder seus rostos.

Veneza

Por muito tempo, o carnaval veneziano foi um dos mais fortes e alegres do mundo. Durante o período do carnaval eram desenvolvidos bailes e festas nas praças e ruas da cidade. Com o passar do tempo o carnaval de Veneza foi enfraquecendo chegando a quase extinguir-se.

CARNAVAL 2012 NA EMEI DORIVAL

OLHA O CARNAVAL AÍ GENTE !!!!


PROFESSORA MIRIAN MATERNAL

PROFESSORA ROSANA JARDIM 1

PROFESSORA VIVIANE JARDIM 2

PROFESSORA ROBERTA JARDIM 2

PROFESSORA ROSEMARY MATERNAL 2

sábado, 10 de setembro de 2011

JARDIM DA EMEI

PARABÉNS Sr. OSMAR PELO EXCELENTE TRABALHO E DEDICAÇÃO